Nutrição e Prevenção do Câncer

Fabiana Jarussi - Nutricionista – CRN 11217

 

                                        O Dia Mundial do Câncer é lembrado todo ano em 04 de fevereiro. A                                              data é coordenada pela União Internacional para o Controle do Câncer                                          (UICC) e busca o aumento da conscientização e da educação sobre a                                              doença.

 

Quando pensamos em prevenção e tratamento do câncer, a alimentação tem papel fundamental.

 

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (Inca), 20% dos casos de câncer nos países em desenvolvimento, como o Brasil, e 35% das mortes pela doença são causados por uma dieta inadequada.

 

Além de alimentação equilibrada, manter uma vida ativa, hábitos de vida saudáveis e o peso adequado também são estratégias para se prevenir a doença.

 

Uma ingestão rica em alimentos de origem vegetal como frutas, legumes, verduras, cereais integrais, feijões e outras leguminosas, e pobre em alimentos ultraprocessados, como aqueles prontos para consumo ou prontos para aquecer e bebidas açucaradas, podem prevenir novos casos de câncer.

 

Carnes processadas como presunto, salsicha, linguiça, bacon, salame, mortadela, peito de peru e blanquet de peru podem aumentar a chance de desenvolver câncer. Os conservantes (como os nitritos e nitratos) podem provocar o surgimento de câncer de intestino (cólon e reto) e o sal provocar o de estômago. Assim, seu consumo deve ser esporádico.

 

Quando temos uma alimentação rica em alimentos de origem vegetal, recebemos uma quantidade importante de fibras e de nutrientes com ação antioxidante.

 

As fibras auxiliam na eliminação de toxinas e de agentes promotores do câncer. Além disso, ajudam no trânsito intestinal. São extremamente importantes para prevenção, especialmente o câncer de intestino.

 

Bons exemplos de alimentos ricos em fibras são aveia, farinha integral, arroz integral, linhaça, farelos, além de folhas e vegetais crus, feijões e frutas com cascas.

 

Os nutrientes com ação antioxidantes auxiliam no combate aos radicais livres e assim, previnem o câncer.

 

Abaixo, mostro os principais antioxidantes e suas fontes alimentares:

  • Vitamina A - Encontrada nos alimentos alaranjados, amarelos e vermelhos. 

  • Vitamina C - Encontrada nas frutas cítricas. 

  • Vitamina E - Encontrada nos óleos vegetais, grãos e nozes. 

  • Zinco - Mineral encontrado nas castanhas. 

  • Selênio - Mineral presente nas carnes, leite, nozes e castanhas. 

 

Um dica prática de como você pode montar um prato adequado rico em fibras e antioxidantes é você distribuir 50% do seu prato com verduras e legumes variados e coloridos, 25% com  cereais (preferencialmente integrais) e os outros 25% com alimentos ricos em proteínas (carnes magras e feijões).

 

Além disso:

  • Coma, no mínimo, cinco porções de frutas e verduras por dia. 

  • Beba de seis a oito copos de água por dia. 

  • Consuma óleos vegetais saudáveis como azeite de oliva extravirgem, além abacate e castanhas. Mas use a moderação, pois são calóricos.

  • Não fume!

  • Evite a ingestão de bebidas alcoólicas.

  • Aumente a ingestão de peixes.

  • Evite a exposição ao sol entre 10h e 16h, e use sempre proteção adequada, como chapéu, barraca e protetor solar, inclusive nos lábios.

  • Não deixe de realizar exames médicos periódicos e preventivos!

 

Seguindo todas essas orientações, suas chances de ter uma vida mais saudável aumentam muito. Cuide-se!

 

Fabiana Jarussi é Nutricionista Clínico-Funcional e atende presencialmente e online. Para outras informações e dicas acesse as redes sociais:

Facebook: Nutri Fabiana Jarussi

Instagram: @Nutrifabianajarussi

Site: www.fabianajarussi.com

WhtasApp: (19) 97116-1321

cortar