Tantas informações saíram sobre Imunidade no ínicio da pandemia... Mas a importância do assunto continua, ainda mais agora com a proximidade do inverno, época onde estamos mais sujeitos à gripes, resfriados e outras doenças respiratórias.

Mas você sabe o que é imunidade? Basicamente é o mecanismo de defesa do nosso organismo contra substâncias estranhas (antígenos), produzindo anticorpos para garantir o equilíbrio e bom funcionamento interno.

A imunidade pode ser classificada de diversas formas. As mais comuns são: INATA (o já nascemos com ela e está sempre presente em indivíduos saudáveis) e ADQUIRIDA (ocorre após contato com um agente invasor, por exemplo, vírus e bactérias, e é específica contra esse agente).

Nosso sistema imunológico é constituído por células conhecidas como glóbulos brancos (leucócitos e linfócitos), tecidos hematopoiéticos (medula óssea, responsável pela produção de células de defesa) e órgãos (intestino, linfonodos, baço e timo) atuantes na defesa do organismo.

A alimentação influencia diretamente a resposta do sistema imunológico. Importante lembrar que não existe um único nutriente ou alimento capaz de aumentar nossa resistência. Devemos pensar em um conjunto de nutrientes benéficos como vitaminas C, D, E, ácido fólico, zinco, magnésio, ômega 3 e 6, probióticos, etc.

Anote os principais alimentos que contribuem no fortalecimento do sistema imunológico:

  • Frutas cítricas: acerola, laranja, limão,

abacaxi, etc.

  • Vegetais verde escuros:  couve, brocólis,

escarola, etc.

  • Proteínas: peixes, ovos, laticínios e

leguminosas (feijão, ervilha, lentilha) 

  • Gorduras ''boas'": azeite, abacate,

oleaginosas (castanhas, nozes), semente de chia,

óleo de soja e de canola.

  • Alimentos de cor alaranjada e avermelhada: cenoura, damasco, manga, abóbora, frutas vermelhas, goiaba.

  • Probióticos: kefir, iogurtes, alimentos fermentados (chucrute).

  • Outros: própolis, cúrcuma, gengibre.

De maneira geral, uma alimentação saudável e variada ao longo do dia, contribui para o aumento da imunidade. Além disso, uma boa hidratação, a exposição ao sol e a prática rotineira de exercícios físicos são importantes.  Ao contrário, uma alimentação rica em alimentos industrializados, ultra processados e com grande quantidade de açúcar, sal e gordura, facilita as ações inflamatórias e prejudica as ações naturais de defesa.

As suplementações de polivitamínicos são indicados quando a alimentação convencional não oferecer um bom aporte de compostos bioativos.

Nesse caso, evite a auto-prescrição e fuja dos oportunistas! Procure sempre um Nutricionista para avaliar os nutrientes que VOCÊ necessita repor e as melhores formas de administração.

Para conhecer receitas que podem turbinar seu sistema imunológico, clique aqui.

Tel: (19) 97116-1321

  • White Instagram Icon
  • White Facebook Icon
  • Spotify - Círculo Branco
  • Branca ícone do YouTube

© 2020 por Fabiana Jarussi. Direitos reservados.